Andorra nomeia a Comissão de Honra das Finais da Taça do Mundo de esqui alpino em 2023
Desde 2008, os sectores de Soldeu El Tarter de Grandvalira acolheram com êxito 11 competições no total, entre Taças da Europa, Finais da Taça da Europa, Taças do Mundo e Finais da Taça do Mundo

Andorra la Vella, 25 de outubro de 2021. Faltam 140 dias para que a alta competição, com as Finales da Taça da Europa de esqui alpino, regresse aos sectores de Soldeu El Tarter de Grandvalira, e pouco mais de 500 dias para o regresso do grande circo branco, com a celebração das Finais da Taça do Mundo. Hoje, celebrou-se em Andorra a constituição da Comissão de Honra para estes dois eventos que terão lugar de 14 a 20 de março de 2022 e de 13 a 19 de março de 2023, respetivamente. O ato contou com a presença de Xavier Espot, chefe do Governo de Andorra; Francesc Camp, cônsul maior de Canillo; Josep Pintat, presidente da Federação Andorrana de Esqui (FAE) e David Hidalgo, diretor-geral do Comité Organizador. Também assistiram ao encontro diferentes representantes das instituições e organismos que participarão nestas metas desportivas.

 

Trata-se da quarta vez na história que Andorra acolherá um campeonato deste nível, depois da Taça do Mundo feminina de 2012 (disciplinas técnicas), a Taça do Mundo feminina de 2016 (velocidade) e as Finais da Taça do Mundo masculina e feminina de 2019 com todas as disciplinas. O objetivo é voltar a alcançar o êxito organizativo, para projetar a melhor imagem de Grandvalira e Soldeu El Tarter como destino de esqui alpino de alto nível mundial. O chefe do Governo, Xavier Espot, definiu o desafio como "soberano" e destacou a importância de "mostrar Andorra ao mundo, reforçar a marca e demonstrar as capacidades e atrativos que tem o nosso país".

 

A Comissão de Honra das Finais da Taça da Europa 2022 e das Finais da Taça do Mundo 2023 é a prova mais do que evidente da coesão existente entre as instituições vinculadas a este projeto, destinado a procurar o êxito das anteriores edições. Neste organismo estão representados o Governo de Andorra, o Comú de Canillo, o Comité Olímpico Andorrano (COA), a FAE e os clubes de esqui de Andorra. 11 membros no total, que têm como principal atribuição representar o espírito alpino andorrano e impulsionar o envolvimento dos cidadãos em eventos desportivos de primeira classe.

 

O cônsul maior de Canillo e presidente da Comissão de Honra, Francesc Camp, destacou que "as equipas dedicadas à organização das provas trabalharam para que cada corrida seja melhor do que a anterior, com o objetivo de conseguir que a FIS continue a demonstrar-nos a sua confiança com a atribuição de novos eventos". Assim tem sido desde 2008, com a celebração de 5 Taças da Europa (2008, 2009, 2010, 2011 e 2013), 4 Finais da Taça da Europa (2014, 2015, 2018 e esta temporada de 2022), 2 Taças do Mundo (2012 e 2016) e 2 Finais da Taça do Mundo (2019 e 2023).

 

Pela sua parte, David Hidalgo, responsável máximo do Comité Organizador, expôs os aspetos mais relevantes associados ao evento, como o calendário de corridas nas pistas Avet (Soldeu) e Àliga (El Tarter), o alojamento, a hospitalidade e as atividades paralelas, os voluntários e os traços mais diferenciadores da organização.

 

Por sua vez, o presidente da FAE, Josep Pintat, sublinhou que as Finais da Taça da Europa são "uma oportunidade para continuar a demonstrar à FIS a nossa capacidade organizativa, mas, sobretudo, todo o nosso estilo, um carácter que nos demarca dos outros e em que temos de acreditar para que, uma vez mais, todo o mundo fale de Andorra como o que somos, um dos melhores destinos de neve do mundo".

 

Os melhores estarão no país dos Pirenéus

De 14 a 20 de março de 2022, Grandvalira receberá as Finais da Taça da Europa na mítica pista Avet e na emblemática Àliga. As provas serão um teste importante para exercitar as equipas sob as máximas exigências, para enfrentar com garantias de êxito as Finais da Taça do Mundo de 2023, que se disputarão nas mesmas pistas de 13 a 19 de março.

As Finais da Taça do Mundo são o evento mais relevante de esqui alpino a seguir aos Jogos Olímpicos de Inverno e aos Campeonatos do Mundo de Esqui Alpino. Os 25 melhores esquiadores e esquiadoras do panorama internacional estarão em Andorra para competir durante uma semana, no epicentro do esqui alpino de competição dos Pirenéus.

 

 

Membros da Comissão de Honra

  • Presidente honorário: Sr. Xavier Espot, chefe do Governo
  • Presidente: Sr. Francesc Camp, cônsul maior de Canillo
  • Vice-presidente: Sr. Josep Pintat, presidente da FAE

 

Membros honorários

  • Sra. Sílvia Riva, ministra dos Desportos e Cultura
  • Sr. Jordi Torres, ministro do Turismo e Telecomunicações
  • Sr. Jaume Martí, presidente do COA
  • Sra. Meritxell Sangrà, presidente do ECA
  • Sr. Xavier Sarasa, presidente do SEC
  • Sr. Jaume Bousquet, presidente do ECPGR
  • Sr. Daniel Escabrós, presidente do ECAP
  • Sra. Meritxell Santuré, presidente do ECOA

 

 

Consulte e transfira material gráfico aqui:

 

Dossier de corrida

Fotos (Fotos da autoria de Xavier Pujol)

Vídeo mix de imagens de Taças da Europa

Resumo de imagens (Imagens cedidas por Grandvalira ENSISA)